Logotipo ACIA Online

Formulário de Consulta

CÓDIGO SENHA

Cabral praticou crimes de forma 'profissional e reiterada', diz Moro

O juiz Sérgio Moro afirmou no despacho que determinou a prisão do ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral, que as provas apresentadas pela investigação apontam indícios de que foram cometidos crimes de forma "profissional e reiterada" pelo político. Cabral foi detido na manhã desta quinta-feira (17), na Operação Calicute, derivada da Lava Jato.

"As provas são, em cognição sumária, da prática reiterada, profissional e sofisticada de crimes contra a administração pública e de lavagem de dinheiro por parte de Sérgio Cabral e de seu operador financeiro Carlos Miranda", afirmou Moro.

A operação investiga supostas propinas pagas por construtoras ao ex-governador fluminense. Segundo o MPF, Cabral recebia propinas mensais que variavam entre R$ 200 e R$ 300 mil. A investigação aponta que a fraude pode ter gerado prejuízo de mais de R$ 200 milhões aos cofres públicos.

Para Moro, o tamanho dos supostos crimes cometidos justifica a prisão preventiva de Cabral e das outras pessoas envolvidas no caso. "A magnitude e a reiteração delitiva caracterizam risco à ordem pública", afirma o magistrado.

Moro também determinou o bloqueio de R$ 10 milhões das contas de Cabral e das demais pessoas e empresas investigadas na Operação Calicute.

Samuel Nunes

Do G1 PR



<< Voltar

Sede própria, localizada na Rua José Barbosa de Oliveira, 475
Centro - Cassilândia/MS
CEP: 79540-000

Horário de atendimento:
Segundas a Sextas-Feiras, das 8h às 18h. Sábados, das 8h às 12h.

Telefone: (67) 3596-1522
Telefone: (67) 8148-1958
CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK SIGA-NOS NO TWITTER YOUTUBE
DESENVOLVIDO POR SOPHUS TECNOLOGIA